Médoc: a porta de entrada de Bordeaux - Vinhos Franceses

Médoc: a porta de entrada de Bordeaux - Vinhos Franceses

Bordeaux fez seu nome ao oferecer ao mundo os mais conceituados vinhos. A Carpe Vinum mostra a primeira região de Denominação de Origem Controlada que conhecemos ao entrarmos na área portuária de Bordeaux. Conheça as características através do nosso roteiro sobre Médoc!

Banhada pelo rio Gironde, Médoc  significa “no meio da água”, em latim. De fato, essa região quase forma uma ilha de 80km de comprimento e 10km margeada a oeste pelo Oceano Atlântico e a leste pelo Gironde. A zona é às vezes chamada de Bas-Médoc (Baixo-Médoc), embora este termo não seja permitido em nenhum rótulo e nenhum vinho branco tem o direito de ser chamado de Médoc . Distinguem-se o Haut-Médoc (ao sul) e o baixo Médoc, a norte da quase ilha. A produção é importante: 300.000hectalitros, unicamente de tintos.

Os vinhedos desfrutam de um clima temperado oceânico. A floresta de Landes, de importante localização, forma uma proteção contra os ventos do oeste e regulam a temperatura.  Seus verões quentes e secos e seus outonos ensolarados dão o tom para a origem de grandes vinhos licorosos.

Os solos são essencialmente constituídos de graves (pedras e cascalhos misturados) variados, onde pedras maiores ou menores se misturam a argila, limo ou areia, com algumas zonas argilo-calcárias. Ali se produzem vinhos tintos, sendo suas cepas principais cepas são Cabernet Sauvignon, Merlot, Cabernet Franc, Malbec e Petit Verdot.

Ao conhecer a região, historicamente teremos o Posto de Honra, uma importante ruína do  castelo dos senhores de Lesparre, ao norte de Médoc (anteriormente conhecido como o castelo em nome da honra de Lesparre, daí o nome da torre).

E, de construção ao estilo neo-gótico, A igreja de Nossa da Assunção foi construída em 1865 para substituir a antiga capela, na qual se tornou igreja paroquial, mas atualmente está inadequada para as necessidades de culto.

Desta porta de entrada de Bordeaux, podemos experimentar a elegância dos vinhos tintos. Representado pelo Petit Mayne D'Oliver , de taninos muito elegantes e macios, projetando um final longo, Médoc  ficará marcada como uma ótima referência de tudo de bom que Bordeuax pode oferecer!