Vinhos e carnes vermelhas

Vinhos e carnes vermelhas

Vinho e carnes vermelhas são os itens mais procurados quando se busca por harmonização, e aqui na Carpe Vinum não poderíamos deixar de fora! Há muitas combinações saborosas e logo apresentaremos pra vocês. Vamos lá?

Pra quebrar um clima, já vamos dar uma dica fora da curva: Você sabia que vinho rosé combina bastante com carnes vermelhas magras assadas e que vão muito tempero? Pense naquele matambre com ervas e una os benefícios dos vinhos rosé no paladar...é coisa boa na certa!

O vinho pelo tempo de safra também nos auxilia a harmonizar. Os vinhos tintos jovens, de no máximo 3 anos, também são preferidos para pratos bem temperados e picantes. Já os vinhos tintos com média de 7 anos, o ideal é harmonizar com carnes assadas ou grelhadas, magra ou gorda. Nada impede que um vinho mais jovem acompanhe você no churrasco mas recomendamos a oportunidade de complementar a refeição com um vinho mais maduro e encorpado :)

Para classificarmos por uva, o importante é ter em mente o tipo de corte que vamos estar apreciando. Dê uma olhada nas nossas dicas!

Para filés, um corte leve e que depende do tempero, una um Pinot Noir.Um bom vinho qualificado para essa missão é o Saint Clair, que une seu sabor frutado aos temperos e textura do filé incrivelmente! 

Os contrafilés, já mais encorpados, pedem um Syrah. Experimente sua receita favorita de contrafilé com o Douglass Green, onde sua potente Syrah vai dar o equilíbrio necessário ao corte.

Para o filé da costela, que geralmente concentra um ótimo potencial de sabores, o Chianti, que equilibra a boca com o alimento muito bem. Para a harmonização, o Colli di Senesi vai deixar tudo mais gostoso!

Para os outros tipos de corte a preferência é muito sólida: aprecie seus Cabernet Sauvignon junto as suas receitas que envolvam carnes vermelhas!

Tem mais vinhos que já experimentou com carnes vermelhas? Mande pra gente nos comentários qual sua harmonização favorita! Vamos adorar saber! Até a próxima!